Pesquisar neste blog:

domingo, 18 de março de 2012

Os Dez maiores vocalistas do rock

Este post vai falar sobre os dez maiores vocalistas do rock, na minha modesta opinião. É mais um post da série, ficam faltando agora somente os guitarristas (OK, tenho mais alguns posts planejados...). Novamente, presença de palco, performance junto com sua banda, participações em diversos discos, meu gosto, etc são os fatores que guiaram esta escolha. Vamos então aos meus preferidos quando o assunto é gogó:

10 - Janis Joplin - Big Brother, carreira solo
Começamos esta lista de vocalistas com a fantástica Janis Joplin, que para mim é a melhor cantora de rock, sobrando. Sua garra, sua voz, suas performances, seja junto com sua banda Big Brother And The Holding Company ou na sua curta carreira solo, ficaram marcadas para sempre na história da música e em especial do rock, blues e soul, estilos preferidos dela. Escute "Summertime", "Piece Of My Heart", "Maybe" e perceba todas as qualidades desta rebelde da paz e do rock and roll. Os abusos típicos da época, com consumo livre de drogas, acabaram levando esta grande artista com apenas 27 anos, enquanto ela ainda gravava seu último disco, "Pearl". Um grande viva a esta maravilhosa cantora, que faz uma falta danada e influenciou centenas de mulheres a entrar e cantar numa banda de rock. Viva Janis!!

9 - Jon Anderson - Yes
Mais um fantástico vocalista entra na nossa lista. Jon Anderson tem uma voz característica, um timbre incrível que me agrada bastante. Ele sempre foi um dos destaques, um dos líderes desta grandiosa banda de rock progressivo que é o Yes, e o vocal de Anderson só não aparece em dois discos do Yes. Seu talento vocal pode ser conferido em grandes clássicos como "I've Seen All Good People", "Roundabout", "We Have Heaven", "Owner Of A Lonely Heart" e tantas outras canções. Longa vida a este grande vocalista e que ele se entenda novamente com seus companheiros de banda e volte a ser o vocalista do Yes!

8 - Robert Plant - Led Zeppelin
Plant era o vocalista certo na hora certa. Esta hora foi quando Jimmy Page começou a procurar cantores para seu novo projeto, os New Yardbirds, que acabaram evoluindo no mito conhecido como Led Zeppelin. Plant evoluiu muito como cantor conforme a banda foi crescendo em popularidade e sua parceria com Page é uma das mais inesquecíveis do mundo da música. Então por que o coloco apenas no oitavo lugar? Primeiro, punição por não querer a reunião do Zeppelin; segundo porque acho sua carreira solo sem o mesmo brilho de sua banda; e também porque ele tá perdendo pra gente muito boa que vem por aí. Mas é um vocalista fantástico e merece estar aqui!

7 - Rob Halford - Judas Priest
Muita gente nesta lista não canta mais o que já cantou outrora. Este não é o caso do nosso sétimo lugar, o deus (ou seria deusa??) metal Rob Halford. Quem foi no show do Priest nesta última turnê que passou pelo Brasil pode confirmar todo o seu talento, com um show que varreu a carreira da banda. Além desta trajetória incrível com o Judas, ele ainda apagou alguns incêndios no Black Sabbath: em 1992, quando Dio se recusou a abrir para Ozzy; e em 2004, quando Ozzy teve problemas e não pode se apresentar. Quantos vocalistas conseguiriam segurar esta de substituir Ozzy e cantar no Sabbath? Nosso grande cantor conseguiu e merece todo o respeito - um dos grandes vocalistas do heavy metal!

6 - Paul Rodgers - Free, Bad Company, Queen
Este grande vocalista, na minha opinião, ganha muito pouco reconhecimento em comparação ao enorme talento que possui. Ele esteve a frente de uma banda pioneira como o Free, onde lançou alguns grandes clássicos, com o maior destaque para "All Right Now". Depois que esta banda se desintegrou, ele formou outra grande banda, de enorme sucesso durante os anos 70, o Bad Company, lançando outra penca de clássicos, como "Can't Get Enough""Shooting Star" e "Feel Like Making Love", só pra citar alguns. Manteve uma carreira solo com alguns pontos altos, montou um supergrupo ao lado de Jimmy Page (The Firm) e ainda teve fôlego e coragem de substituir de forma maravilhosa Freddie Mercury no Queen, chegando a gravar um bom disco com a banda. Por tudo isso, o meu reconhecimento a este grande vocalista. Longa vida a Paul Rodgers!!

5 - Freddie Mercury - Queen
O grande Freddie não podia ficar de fora desta lista de maneira alguma. Talvez ele merecesse até uma posição mais alta, mas meus preferidos acabaram deixando ele aqui. Não importa, o importante é reconhecer um dos maiores vocalistas e performistas que o rock já conheceu. Além de uma grande voz, Freddie ainda tocava piano bem e conduzia as plateias como poucos, além de ser também um grande compositor. Lamentavelmente, ele acabou sucumbindo a uma doença numa época em que não se tinha ainda tantos recursos médicos. Freddie deixa saudades em todos e sua falta é enormemente sentida. Salve o grande Freddie Mercury!



4 - Glenn Hughes - Trapeze, Deep Purple, Black Sabbath, Black Country Communion
Nosso quarto lugar é um grande sobrevivente dos tempos de muitos excessos, como foram os anos 70. Ele gravou belos discos com o Trapeze, com destaque maior para o álbum "Medusa". Este destaque acabou lhe garantindo um lugar na formação Mk3 do Deep Purple, banda onde ficou por três belos discos e alguns grandes clássicos como "Burn", "Mistreated" e "Holy Man". O abuso excessivo nas drogas implodiram a banda e ele acabou vagando durante muitos anos com uma carreira solo errática e sem continuidade. Em 1986, cantou em um disco do Black Sabbath ("Seventh Star"), mas não conseguiu completar a turnê. Até que nos anos 90 conseguiu se livrar do vício e engatou uma poderosa carreira solo. Recentemente se juntou a grandes feras e montou o supergrupo Black Country Communion, que vem surpreendendo o mundo do rock com suas grandes qualidades. Suas performances vocais, suas linhas de baixo, seu visual extravagante, tudo conspira a seu favor. Não à toa é conhecido como "The Voice Of Rock". Longa vida a este enorme talento musical, Glenn Hughes!!



3 - Bruce Dickinson - Iron Maiden
A medalha de bronze vai pra este fantástico britânico, que além de cantor ainda é piloto de avião, escritor e locutor de rádio. Esqueçam isso tudo. Bruce está aqui pelo sua performance vocal fantástica desde os tempos de Samson e, principalmente, no Iron Maiden. Quando ele entrou na banda e gravou aquele incrível disco - "The Number Of The Beast" - pouquíssimos vocalistas tiveram uma estreia tão marcante. Além de cantar muito, ele corre o palco todo, tem uma presença de palco impressionante e ainda tem uma carreira solo muito boa. Destaco suas performances em "Hallowed Be Thy Name", "Revelations", "Flight Of Icarus", "Aces High" e tantas outras. Até os dias atuais, Bruce canta muito e impressiona pelo seu preparo nas turnês. Medalha de bronze e muitas salvas a Air Bruce, fantástico vocalista!

2 - Ian Gillan - Deep Purple, Black Sabbath
Nosso medalha de prata começou sua carreira em uma banda menor (Episode Six), que fez pouco sucesso. Por suas performances, acabou chamando a atenção dos membros de outra banda, um tal de Jon Lord e outro Ritchie Blackmore... Era o começo da formação MK2 do Deep Purple, que em 1970 chutou o balde e tudo que tinha pelo caminho com um disco incrível e revolucionário chamado "In Rock". Logo na estreia, Gillan canta fantasticamente: escutem "Child In Time", por exemplo, e entendam porque ele está nesta lista. A banda emendou um clássico atrás do outro, até que brigas internas acabaram levando a saída de Gillan. Sem problema, ele tocou sua carreira solo. Antes de retornar ao Deep Purple, ele ainda se aventurou nas terras de outra banda gigante dos anos 70: gravou e excursionou com o Black Sabbath, com o disco "Born Again". Uma performance incrível, tanto no disco, quanto na turnê, onde ele cantava músicas da época Ozzy, Dio e suas. Incrível! Com o passar do tempo ele perdeu um pouco de sua potência vocal, mas continua um belíssimo vocalista a frente do Purple e já tem seu lugar marcado nos imortais do rock e heavy. Longa vida ao mestre Gillan!!

1 - Ronnie James Dio - Rainbow, Black Sabbath
Medalha de ouro, meu vocalista preferido, é o saudoso frontman de duas bandas incríveis. Depois de chamar a atenção dos membros do Deep Purple quando abria seus shows com sua banda Elf (já falamos sobre eles neste post aqui), ele acabou entrando para a nova banda de Ritchie Blackmore, o Rainbow, onde gravou três trabalhos incríveis. Destaco suas performances em "Catch The Rainbow", "Stargazer", "Kill The King". Acabou saindo da banda, que queria um som mais comercial. Felizmente, cruzou o caminho de Tony Iommi e Geezer Butler, que construíram uma parceria e álbuns incríveis no Black Sabbath. Performances como "Children Of The Sea", "Heaven And Hell", "The Sign Of The Southern Cross", e tantas outras, me cativaram desde que comecei a escutar seus trabalhos. Seus vocais possuem uma precisão, um lirismo, um algo mais que não vejo em nenhum outro vocalista. Sua carreira solo também tem grandes pontos altos, como o clássico "Rainbow In The Dark". Ao vivo, ele consegue a mesma perfeição do estúdio, com uma presença de palco incrível e uma simpatia maravilhosa. Lamentavelmente, um maldito câncer acabou levando este fantástico cantor embora. Sua falta é enormemente sentida, seu nome está gravado como um dos maiores contribuidores do heavy metal - não só musicalmente, mas no estilo dos fãs, temática das letras, até mesmo no famoso gesto dos dedos levantados. Ronnie James Dio, melhor vocalista de todos os tempos!!

E mais uma lista de dez mais chega ao fim; após cobrir os vocalistas, ficam faltando os guitarristas. Logo logo eu falo deles e fecharemos o ciclo. Todos tem direito de discordar das minhas listas, especialmente esta, que está mais pessoal que nunca. Deixem seus comentários sobre seus vocalistas preferidos. Até a próxima lista!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...